Sentir em curtas X

Ele andava pelo mundo contando as vozes que vinham em sua direção.
Muitas vezes, não era capaz de desviar a tempo das que voavam como flechas até seu peito. Em outros momentos, elas lhe apontavam direções recém-nascidas, repletas de possibilidades. Altivo e com o peito sem escudo, ele seguia vivendo a boa batalha dos dias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s